Cuidados com a escova dental.


A escova dental é um instrumento muito eficaz utilizada para realização da higiene bucal prevenindo aparecimento de doenças. Entretanto, também é um meio favorável a proliferação e disseminação de microrganismos pois pode se tornar um veículo de disseminação destes na boca.

Escovas dentais são usualmente armazenadas em banheiros e recebem uma grande carga de contaminação, visto que é um ambiente com elevada quantidade microbiana, principalmente de bactérias entéricas dispersas por aerossóis do vaso sanitário. Além disto, na cavidade bucal, são encontradas cerca de 900 espécies de bactérias capazes de viver e se proliferar nas escovas dentais. Quando do contato da escova com a boca durante a escovação, há risco de desenvolvimento de doenças como a cárie dental, doenças gengivais e lesões da mucosa bucal.

Por este motivo, indica-se o uso de agentes antimicrobianos para realização da desinfecção de escovas dentais.

Os mais recomendados são a clorexidina, que tem demonstrado alta atividade antimicrobiana e capacidade da redução microbiana e o ácido acético, um dos componentes do vinagre.

Depois de feita a desinfecção deve-se guardr a escova dental em lugar adequado, de preferência dentro de armário ou gaveta para protegê-la do ambiente externo.


Deixe um comentário


Observe que os comentários precisam ser aprovados antes de serem publicados



Sale

Unavailable

Sold Out